És Tu Jesus, Filho de Deus a luz prometida para iluminar as nações.

“Quem espera no Senhor jamais será decepcionado, pois ele sempre cumpre as suas promessas”.

como-jesus-sendo-deus-nao-sabia-a-data-da-sua-segunda-vinda

Bom dia amigos(as) em Cristo Jesus. Esperando no Senhor Deus fomos agraciados com a Salvação em Cristo, o Emanuel, Deus que conosco veio armar sua tenda, veio fazer morada. A liturgia de hoje e em tantas outras passagens bíblicas, nos remetem justamente ao exercício de confiança e firmeza na fé nos Planos que Deus tem para nosso viver, para nossa humanidade. Talvez aos nossos olhos as graças da salvação em nossa vida demore, mas esperemos nos Senhor, entreguemos nosso viver ao tempo divino em Cristo, que é por excelência a maior promessa de amor cumprida por Deus Nosso Pai que nos confiou a Salvação através de Jesus Cristo. Rezemos, esperemos no Senhor, mas não deixemos também de realizar sempre nossa constante ação missionária enquanto discípulos do Reino de Deus que somos assumindo nossa identidade de Cristãos.

Deus amou tanto o mundo, que lhe deu o seu próprio Filho: quem nele crê não perece, mas possui a vida eterna(Jo 3,16).

Ó Deus invisível e todo-poderoso, que dissipastes as trevas do mundo com a vida da vossa luz, volvei para nós o vosso olhar, a fim de que proclamemos dignamente a maravilhosa natividade do vosso Filho unigênito. Amém! 

ceus-abertos-quatro-atitudes-da-igreja

Leitura – 1Jo 2,3-11

Quem ama o seu irmão permanece na luz.
Leitura da Primeira Carta de São João 2,3-11

Caríssimos:
Para saber que o conhecemos,
vejamos se guardamos os seus mandamentos.
Quem diz: ‘Eu conheço a Deus’,
mas não guarda os seus mandamentos,
é mentiroso, e a verdade não está nele.
Naquele, porém, que guarda a sua palavra,
o amor de Deus é plenamente realizado.
O critério para saber se estamos com Jesus é este:
quem diz que permanece nele,
deve também proceder como ele procedeu.
Caríssimos,
não vos comunico um mandamento novo,
mas um mandamento antigo,
que recebestes desde o início;
este mandamento antigo é a palavra que ouvistes.
No entanto, o que vos escrevo é um mandamento novo
– que é verdadeiro nele e em vós -,
pois que as trevas passam
e já brilha a luz verdadeira.
Aquele que diz estar na luz,
mas odeia o seu irmão,
ainda está nas trevas.
O que ama o seu irmão permanece na luz
e não corre perigo de tropeçar.
Mas o que odeia o seu irmão está nas trevas,
caminha nas trevas,
e não sabe aonde vai,
porque as trevas ofuscaram os seus olhos.
Palavra do Senhor.

 

Salmo – Sl 95 (96) R. O céu se rejubile e exulte a terra!

Cantai ao Senhor Deus um canto novo,
cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira!
Cantai e bendizei seu santo nome!
Dia após dia anunciai sua salvação,
manifestai a sua glória entre as nações,
e entre os povos do universo seus prodígios!
Foi o Senhor e nosso Deus quem fez os céus:
diante dele vão a glória e a majestade,
e o seu templo, que beleza e esplendor!

Evangelho – Lc 2,22-35

luz1

Luz para iluminar as nações.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 2,22-35

Quando se completaram os dias
para a purificação da mãe e do filho,
conforme a Lei de Moisés,
Maria e José levaram Jesus a Jerusalém,
a fim de apresentá-lo ao Senhor.
Conforme está escrito na Lei do Senhor:
‘Todo primogênito do sexo masculino
deve ser consagrado ao Senhor.’
Foram também oferecer o sacrifício
– um par de rolas ou dois pombinhos –
como está ordenado na Lei do Senhor.
Em Jerusalém, havia um homem chamado Simeão,
o qual era justo e piedoso,
e esperava a consolação do povo de Israel.
O Espírito Santo estava com ele
e lhe havia anunciado que não morreria
antes de ver o Messias que vem do Senhor.
Movido pelo Espírito, Simeão veio ao Templo.
Quando os pais trouxeram o menino Jesus
para cumprir o que a Lei ordenava,
Simeão tomou o menino nos braços
e bendisse a Deus:
‘Agora, Senhor, conforme a tua promessa,
podes deixar teu servo partir em paz;
porque meus olhos viram a tua salvação,
que preparaste diante de todos os povos:
luz para iluminar as nações
e glória do teu povo Israel.’
O pai e a mãe de Jesus estavam admirados
com o que diziam a respeito dele.
Simeão os abençoou e disse a Maria, a mãe de Jesus:
‘Este menino vai ser causa
tanto de queda como de reerguimento
para muitos em Israel.
Ele será um sinal de contradição.
Assim serão revelados os pensamentos de muitos corações.
Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma.’
Palavra da Salvação.

reflexao
A liturgia da apresentação na vida da Família de Nazaré, serviu para evidenciar a identidade de Jesus, enquanto Filho de Deus, que se revestiu de toda Santidade Divina. Assim vemos o anúncio de Simeão afirmando o cumprimento das promessas de Deus Pai identificando Jesus como Luz por excelência para iluminar as nações. Jesus sendo apresentado ao Templo, reforça a sua profunda comunhão com o Pai, pois a casa de Deus era e é também sua casa. Creio que faz-se necessário cada dia mais nos identificarmos enquanto Cristãos que somos. Precisamos está em comunhão com o Projeto de Salvação presente em Jesus Cristo, precisamos que o verdadeiro Natal seja cada vez mais vivo constantemente dentro de nós. Assumamos o que somos, Cristãos, em palavras de fé e testemunho em constante prática de vida missionária que reafirma nossa filiação, nosso compromisso de batismo. Por isso, guardemos os mandamentos de Deus no equilíbrio da vivência da nossa fé, e não na alienação e ou escravidão que nos impedi de ver e receber a verdadeira graça do Reino. Vejamos o quanto Deus nos ama, o quanto esse amor se faz vivo em nosso viver no Cristo Salvador. Jesus é a nossa Luz. Ele ilumina a nossa vida por completo, nos mostrando a direção e nos ajudando, em meio as nossas fraquezas humanas, a reencontrarmos o caminho salvífico através da nossa vida de anúncio e testemunho concreto da nossa fé em Jesus, Deus conosco.  
Rezemos juntos em Prece pela nossa vida de fé e missão que é revigorada em Cristo que veio morar em nosso existir. 

One comment on “És Tu Jesus, Filho de Deus a luz prometida para iluminar as nações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *